Shaka: o calendário indiano que leva em conta trajetória do Sol e também da Lua


Shaka Samvat é o nome do calendário nacional indiano que é amplamente utilizado para saber a data exata – no calendário gregoriano – de festivais e celebrações religiosas na Índia.

Um festival pode ter início, por exemplo, no dia 1 ou 2 de determinado mês ocidental. Esta variação acontece porque no calendário gregoriano os meses não são fixos e possuem quantidade de dias variados como 28, 30 ou 31 dias.

O calendário gregoriano foi formulado pelo papa Gregório XIII em 1582 e era uma versão modificada do calendário estabelecida por Júlio Cesar, que por sua vez tinha base fundamentada no calendário egípcio.

Diferença entre Calendário Gregoriano e Shaka Samvat

Assim como o calendário gregoriano, o calendário indiano também tem 12 meses. A diferença mais notável entre os dois é que o primeiro tem como base apenas o movimento do Sol, enquanto o calendário indiano tem como base o movimento do Sol e também o movimento da Lua.

Saiba Mais: Pitru Paksha: Saiba o que significa os 15 dias de honra aos ancestrais

Ao observar Chandra (Lua) vemos que ela passa por diferentes formas, indo da Lua Nova para Lua Crescente, da Lua Crescente para Lua Cheia; em seguida para Lua Minguante e assim por diante.