Shaka: o calendário indiano que leva em conta trajetória do Sol e também da Lua

24/01/2020

 

Shaka Samvat é o nome do calendário nacional indiano que é amplamente utilizado para saber a data exata – no calendário gregoriano – de festivais e celebrações religiosas na Índia. 

 

Um festival pode ter início, por exemplo, no dia 1 ou 2 de determinado mês ocidental. Esta variação acontece porque no calendário gregoriano os meses não são fixos e possuem quantidade de dias variados como 28, 30 ou 31 dias.

 

O calendário gregoriano foi formulado pelo papa Gregório XIII em 1582 e era uma versão modificada do calendário estabelecida por Júlio Cesar, que por sua vez tinha base fundamentada no calendário egípcio. 

 

Diferença entre Calendário Gregoriano e Shaka Samvat

 

Assim como o calendário gregoriano, o calendário indiano também tem 12 meses. A diferença mais notável entre os dois é que o primeiro tem como base apenas o movimento do Sol, enquanto o calendário indiano tem como base o movimento do Sol e também o movimento da Lua.

 

Saiba Mais: Pitru Paksha: Saiba o que significa os 15 dias de honra aos ancestrais

 

Ao observar Chandra (Lua) vemos que ela passa por diferentes formas, indo da Lua Nova para Lua Crescente, da Lua Crescente para Lua Cheia; em seguida para Lua Minguante e assim por diante.

 

No calendário Shaka, este ciclo da Lua ao redor da Terra dura exatos 29,53 dias. A quantidade de dias do calendário indiano correspondem exatamente aos 29,53 dias deste ciclo lunar, ou seja, os meses não variam, têm sempre 29,53 dias.

 

No calendário indiano é possível saber em que dia se está olhando para o céu. Em uma noite de céu aberto pode-se dizer qual é o dia atual vendo a fase da Lua. Cada mês tem 30 Tithis, ou fases lunares, e esta observação a céu aberto é também uma forma de conexão com os Grahas (planetas) no céu e a Natureza.

 

Outra facilidade do Shaka Samvat é o fato dele ter a mesma quantidade de dias todos os meses.

 

Purushottam Maas, o mês extra do Senhor Vishnu

 

Conhecido também como Adhik Maas, Mala Maas,  Malimmacha este  mês ocorre aproximadamente a cada 2 anos e meio. 

 

Este mês vem para retificar os dias acumulados pela diferença de dias que ocorre por conta da Lua completar sua volta pela Terra em 354,36 dias enquanto o Sol completa um ciclo em 365,26 dias.

 

O mês é reservado para purificação e práticas espirituais e existem diversas histórias relacionadas ao período.

 

Uma delas é que, diferente dos outros meses, o mês Adhik não tem uma deidade regente. 

 

Por este motivo o mês de Adhik foi até o Senhor Vishnu e explicou a sua tristeza. Ao ouvir Adhik, Vishnu concedeu o seu próprio nome ao mês que passou a ser conhecido por um dos nomes de Vishnu: Purushottam.

 

Durante o mês Purushottam o ideal é focar nas práticas espirituais: recitar mantra do Senhor Vishnu, Senhor Krishna e Vasudev, bhajans, kirtan, kathas e doações aos necessitados.

 

Nome dos Dias e Meses do Calendário Shaka

 

O Ano no calendário hindu começa sempre no mês Chaitra (que começa dia 21 ou 22 de março no calendário gregoriano). O mês Chaitra é considerado auspicioso pois é a fase em que o Universo foi criado, sendo um mês governado por Vishnu. Este também é o mês celebrado pelos agricultores, por ser a época das fartas colheitas.

 

O mês começa sempre com a lua nova. Cada dia do mês (chamados tithis) têm um nome diferente. Eles podem fazer parte da quinzena brilhante do mês, chamada Shukla, ou da quinzena escura do mês, chamada Krishna.

 

Abaixo, trazemos os nomes dos tithis, meses e dias da semana no calendário indiano.

 

Tithis

 

1. Pratipada
2. Dwitiya
3. Tritiya
4. Chaturthi
5. Panchami
6. Shashthi
7. Saptami
8. Ashtami 
9. Navami
10. Dashami
11. Ekadasi
12. Dwadashi
13. Trayodashi
14 Chaturdashi
15. Purnima,
Amavasya

 

Os 12 meses do calendário indiano e equivalente no calendário gregoriano

 

Chaitra (30/31 * Dias) começa 22 de março / 21 *ano bissexto
Vaisakha (31 dias) começa 21 de abril
Jyaistha (31 dias) começa 22 de maio
Asadha (31 dias) começa 22 de junho
Shravana (31 dias) começa 23 de julho
Bhadra (31 dias) começa 23 de agosto
Asvina (30 Dias) começa 23 de setembro
Kartika (30 Dias) começa 23 de outubro
Agrahayana (30 Dias) começa 22 de novembro
Pausa (30 Dias) começa 22 de dezembro
Magha (30 Dias) começa 21 de janeiro
Phalguna (30 Dias) começa 20 de fevereiro

Nome dos dias da semana

 

Raviãra: Domingo (dia do Sol)
Somavãra: segunda-feira (dia da Lua)
Mañgalvã: terça-feira (dia de Marte)
Budhavãra: quarta-feira (dia de Mercúrio)
Guruvãra: quinta-feira (dia de Júpiter)
Sukravãra: sexta-feira (dia de Vênus)
Sanivãra: Sábado (dia de Saturno)

 

 

 

 

 

 

Compartilhe
Compartilhe
Please reload

banner-portal-vedico.png
Please reload

Please reload

Dr. Frawley sobre Ram Mandir: Uma vitória da Herança Espiritual de toda Humanidade

NaturalTech: feira que reúne marcas de produtos naturais e linhas indianas em SP

Amit Goswami, conheça o físico quântico que vem ao Brasil em abril de 2019

Estréia no Brasil filme sobre Vasant Lad, primeiro médico de Ayurveda no Ocidente

1/2
Please reload

7 Costumes Tradicionais da Índia que previnem Vírus, pelo jornalista Udaylal Pai

18 Apontamentos sobre Meditação, uma visão moderna da prática por Ashish Jain

1/3
Please reload