Flores e Tradição Hindu: Conheça as Flores favoritas de cada Deidade

16/09/2019

 

Altares de qualquer tradição religiosa, geralmente, são ornamentados com vasos de flores, de variadas cores, em sinal de honra e devoção a um santuário ou figura religiosa. Na tradição hindu não é diferente. As deidades são cobertas de flores dos pés a cabeça, tanto em altares domésticos quanto em Mandir (templos).

 

Variadas guirlandas também fazem parte dos Pujas (oferendas devocionais) e são colocadas no entorno da deidade. Elas geralmente são feitas de crisântemos ou pétalas de rosas, havendo todo um preparo e confecção das guirlandas antes de datas comemorativas relacionadas à deidade.

 

As flores também são oferecidas aos pés da imagem, junto de outros itens como frutas, côco, lamparinas, alimento, plantas e outros artigos sátvicos. 

 

Veja também: Passo a Passo como fazer um pequeno Pooja para Ganesha em casa

 

 

Mas qual, afinal, a importância da oferenda de flores? O que pode parecer exagero aos olhos ocidentais, na verdade, contém uma Ciência sutil.

 

Pavitrak, a Frequência das Flores e da Deidade

 

Num primeiro momento, é comum notar que um ambiente ornamentado com flores sempre fica com a atmosfera especialmente limpa, fresca e positiva. 

É dito que, na atmosfera, as deidades costumam existir em sua própria frequência e são atraídas pela frequência de determinadas flores.

 

A frequência das flores oferecidas em puja, atrai a frequência da deidade. Esta frequência é chamada de Pavitrak (partícula divina sutil da Consciência Divina).

 

Pavitraks emitidas por flores sátvicas dispersam qualquer energia negativa do ambiente e chamam as deidades. Por este motivo as flores são parte essencial de Pujas e rituais hindus. 

 

A Flor de Mahabharata - Passiflora (Krishna Kamal)

 

Você sabia que a flor do Maracujá é dita representar Bhagwan Krishna no épico Mahabharata?

 

 

A linda, diferente e complexa flor de cor índigo, azul, branca ou rosa escuro tem aproximadamente 10 cm de diâmetro.

 

As 100 pétalas finas e de cor índigo é dita representar cada um dos Kauravas (exército inimigo de Krishna) e as 5 pétalas amarelas no centro dizem representar os Pandavas. 

 

O bulbo verde no centro é dito representar Draupadi, a rainha dos Pandavas e há ainda mais três filamentos que representam a trindade Brahma, Vishnu e Shiva. O radial no centro representa Sudarshan Chakra do Senhor Krishna.

 

Incrível, não é?

 

Veja também: Saiba Mais sobre a Deidade de cada dia da semana, na tradição Hindu

 

 

Flores e Deidades: qual a flor preferida de cada Deidade?

 

Abaixo, compilamos algumas flores associadas a cada deidade. Algumas espécies não sabemos o nome exato em português e se existem em terras brasileiras. Por este motivo, preferimos deixar ao lado, entre parenteses, o nome em sânscrito para eventual busca de espécie e nome científico.

 

 

Senhor Shiva 

 

- Qualquer flor de cor branca
- Lótus Azul
- Datura
- Oleandro
- Flor da árvore de Abricó (Maulsari)
- Folha da árvore de Fruta de Bael (Bilva Patra)

 

 

 

Senhor Ganesha

 

- Qualquer flor de cor vermelha
- Hibisco (Jaswanti)
- Pluméria
- Flor de Lótus
- Cravo
- Rosa
- Jasmim
- Folha da árvore de Fruta de Bael (Bilva Patra)
- Folhas fitoterápicas

 

Parvati Ma

- Todas as flores que podem ser oferecidas a Shiva
- Lótus Branco
- Pluméria
- Jasmim-árabe
- Flor do Fogo/Palash (Butea Monosperma)
- Jasmim (Chameli)

 

Durga Ma
- Qualquer flor de cor vermelha
- Lótus
- Folha da árvore de Fruta de Bael (Bilva Patra)
- Jasmim

 

Senhor Vishnu
- Lótus é a flor favorita
- Lótus rosa
- Flor da árvore de Abricó (Maulsari)
- Jasmim (Jasminum auriculatum)
- Pândano (Pandanus odorifer)
- Flor do Kadamba
- Açoca
- Tulipa

 

Lakshmi Ma
- Lótus é a flor favorita
- Lótus Rosa
- Cravo Amarelo
- Rosa Pink

 

Senhor Rama
- Jasmim (Chameli) com quatro flores

 

Senhor Hanumam
- Jasmim (Chameli)
- Garlanda feito com Manjericão (Tulsi)

 

Brahma
- Lótus Branco
- Jasmim (Tagar)

 

Kali Ma
- Datura Amarelo (Yellow Kaner)

- Hibisco Vermelho

 

Saraswati Ma
- Qualquer flor de cor branca
- Lótus Branco
- Flor do Fogo/Palash (Butea Monosperma)

 

Surya Dev
- Flor de Lótus

 

Shani Dev
- Qualquer flor de cor azul

 

Senhor Krishna
- Folhas de Manjericão (Tulsi)
- Lótus Azul
- Jasmim Noturno (Parijat)
- Jasmim (Chandni/Nandiyavattai)

 


Algumas Recomendações Tradicionais 

 

Existem algumas recomendações tradicionais no manuseio das flores antes de oferecê-las à deidade, entre elas: expressar gratidão à planta de onde se retira as flores, não cheirá-las antes de oferecê-las, não oferecer flores que caíram no chão, não oferecer flores sem fragrância, não oferecer flores que não estão completamente desabrochadas/brotos, não oferecer flores que foram extraídas de outra casa sem consentimento, não tocá-las com a mão esquerda, não oferecer flores que já foram oferecidas em outros locais e não extrair as flores depois do pôr do Sol.


Imagem Inicial: crédito

 

 

 

Compartilhe
Compartilhe
Please reload

banner-portal-vedico.png
Please reload

Please reload

Dr. Frawley sobre Ram Mandir: Uma vitória da Herança Espiritual de toda Humanidade

NaturalTech: feira que reúne marcas de produtos naturais e linhas indianas em SP

Amit Goswami, conheça o físico quântico que vem ao Brasil em abril de 2019

Estréia no Brasil filme sobre Vasant Lad, primeiro médico de Ayurveda no Ocidente

1/2
Please reload